Ikiru, por Tadashi Endo

Tadashi Endo caminha pelo palco. Dá as últimas instruções para acertar a luz, a posição da cadeira e de uma placa de metal. Logo depois, no pequeno camarim, inicia o ritual da maquiagem. Com movimentos leves, como se já dançasse o butô, utiliza uma esponja para cobrir o rosto e todo o corpo com uma espécie de talco. Todos os poros são cobertos de branco. Por fim, os olhos e os lábios recebem cores. O processo durou cerca de 30 minutos, mais ou menos a duração do espetáculo Ikiru, apresentado no Sesc Ipiranga no último sábado (07/08/2010). Nele, Tadashi, discípulo de Kazuo Ohno - mestre do butô - faz uma homenagem à bailarina alemã Pina Bausch. Aos 63 anos, Tadashi Endo está no Brasil desde junho deste ano. Neste período ensaiou o espetáculo Ma Be Ma, com artistas brasileiros, que foi apresentado na semana passada.

Estadão

11 Agosto 2010 | 10h16

Sesc Ipiranga, São Paulo, 07/08/2010. Foto: Nilton Fukuda/AE

Sesc Ipiranga, São Paulo, 07/08/2010. Foto: Nilton Fukuda/AE

Mais conteúdo sobre:

ButôButohPina BauschTadashi Endo