1. Usuário
Assine o Estadão
assine


Desafio do balde de gelo chega a presidentes

Redação Internacional

20 agosto 2014 | 15:44

Ator americano desafiou Putin; Bush, após cumprir tarefa, desafiou Clinton

A campanha global para arrecadar dinheiro em prol das pesquisas sobre a doença esclerose lateral amiotrófica (ALS, na sigla em inglês) iniciada nos EUA chegou a presidentes e ex-presidentes. O desafio de jogar em si mesmo um balde de gelo ou água gelada foi lançado ao presidente da Rússia, Vladimir Putin, e cumprido pelo ex-presidente americano George W. Bush.

Segundo as regras da campanha, os desafiados têm 24 horas para cumprir a tarefa ou devem doar US$ 100 para a ALS Association – ou fazer as duas ações.

O ator americano Vin Diesel cumpriu o desafio e postou um vídeo no Instagram desafiando Putin, a primeira-dama dos EUA, Michelle Obama, e a atriz Angelina Jolie. “Agora, eu desafio Michelle Obama, Angelina Jolie e Putin”, diz o ator no vídeo.

Em resposta, o porta-voz de Putin, Dmitry Peskov, afirmou ao jornal russo Lenta.ru: “Temos outras coisas na nossa agenda.”

O ex-presidente Bush também foi desafiado. Em um vídeo postado na sua página do Facebook, Bush afirma que jogar um balde de água gelada em si mesmo não é uma atitude presidencial e então fará um cheque de doação.

Mesmo assim, a mulher de Bush joga o balde de água no marido, que lança o desafio ao também ex-presidente Bill Clinton.

O presidente Barack Obama já havia sido desafio, mas também optou pela doação. Obama foi desafiado por Ethek Kennedy. “O presidente agradece a lembrança do senhor Kennedy para o desafio, mas sua contribuição será monetária”, afirmou a Casa Branca em um comunicado ao jornal The Boston Globe. / AP e NYT