Obama discutirá quatro opções para a guerra afegã, diz Gibbs

Presidente se reúne com militares e conselheiros de segurança na quarta para debater estratégias

Associated Press e Agência Estado,

10 Novembro 2009 | 16h49

O presidente dos EUA, Barack Obama, discutirá quatro opções estratégicas sobre o Afeganistão com conselheiros graduados na quarta-feira, 11, enquanto considera se enviará milhares de soldados a mais para o país da Ásia Central, disse a Casa Branca.

 

Obama se encontrará com o oficiais militares mais graduados e conselheiros de segurança, na mais recente reunião da exaustiva revisão da estratégia para a guerra do Afeganistão, antes de tomar a decisão sobre o número de tropas que serão enviadas à guerra de oito anos.

 

"O presidente terá amanhã a oportunidade de discutir quatro opções com sua equipe de segurança nacional", disse o porta-voz da Casa Branca, Robert Gibbs, a bordo do avião presidencial dos EUA, o Air Force One.

 

Gibbs também descartou uma série de reportagens e vazamentos sugerindo que Obama já concordou em enviar entre 34 mil e 40 mil soldados à impopular guerra afegã, após o comandante americano no Afeganistão, o general Stanley McChrystal, ter alertado que a estratégia americana estava fracassando.

 

"Qualquer um que te disse que o presidente já tomou uma decisão não fez isso com honestidade, com a mais remota ideia sobre o que eles estão conversando", disse Gibbs. "O presidente ainda tomará a decisão", concluiu Gibbs.

 

Não se espera que Obama tome a decisão sobre o Afeganistão pelo menos até o final da próxima semana, quando ele regressar de uma viagem à Ásia.

Mais conteúdo sobre:
Obama EUA Afeganistão tropas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.