Tiroteio em Orlando deixa 1 morto e 5 feridos, diz polícia

Um homem armado abriu fogo dentro de um edifício de escritórios em Orlando, na Flórida, Estados Unidos, matando uma pessoa e ferindo outras cinco nesta sexta-feira, disseram o prefeito e o chefe da polícia local.

REUTERS

06 Novembro 2009 | 19h42

O suspeito, que deixou o prédio após o incidente, foi detido mais tarde na casa de sua mãe, disse a repórteres o prefeito de Orlando, Buddy Dyer, e o chefe da polícia, Val Demmings.

"Há uma fatalidade confirmada", disse Demmings. A mídia local havia informado que duas pessoas morreram no tiroteio.

A polícia de Orlando disse que o suspeito, de 40 anos, era um ex-funcionário de um escritório de engenharia e arquitetura que funciona no edifício, que voltou ao local e deu início ao tiroteio.

(Reportagem de Barbara Liston)

Mais conteúdo sobre:
EUA ORLANDO TIROTEIO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.