Chávez pede a soldados venezuelanos que se preparem para guerra

O presidente venezuelano, Hugo Chávez, pediu no domingo que seus soldados se preparem para a guerra para garantir a paz. em meio à crescente tensão entre os governos de Venezuela e Colômbia, país que Chávez acusa de estar controlado pelos Estados Unidos com a intenção de iniciar um conflito bélico.

ENRIQUE ANDRÉS PRETEL, REUTERS

09 Novembro 2009 | 08h24

Durante seu programa dominical de rádio e televisão, Chávez se dirigiu à Força Armada Nacional Bolivariana para advertir do perigo que, segundo ele, Washington representa para sua "revolução socialista".

"Se queres a paz, se prepare para a guerra", disse Chávez, citando o conhecido refrão popular durante a entrega de 240 moradias no Estado de Portuguesa, construídas em convênio com o Irã.

"Se ocorrer ao império ianqui --utilizando a Colômbia ou não, mas já sabemos por onde vem-- agredir militarmente a Venezuela... aqui começará a guerra dos 100 anos e essa guerra se estenderá por todo o continente. Saibam disso!", alertou o presidente antes de ser ovacionado pelo público.

A Colômbia anunciou que recorrerá ao Conselho de Segurança da ONU e à Organização dos Estados Americanos (OEA) diante do que classificou de "ameaças" da Venezuela.

(Reportagem adicional de Luis Jaime Acosta)

Mais conteúdo sobre:
VENEZUELA CHAVEZ GUERRA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.