Paraguai descarta sabotagem como causa de apagão

A empresa estatal de eletricidade do Paraguai descartou a hipótese de que uma sabotagem tenha provocado o apagão de terça-feira à noite que atingiu o país vizinho e 18 Estados brasileiros.

REUTERS

11 Novembro 2009 | 13h58

"Está descartada totalmente a possibilidade de sabotagem do sistema, visto que a origem do colapso elétrico que afetou ambos os países teve origem em um problema no sistema elétrico brasileiro", acrescentou a nota.

Dois minutos após a falha em Itaipu, houve uma desconexão das linhas de interconexão com a central Yacyretá, que o Paraguai compartilha também com a Argentina sobre o rio Paraná, acrescentou a nota para explicar o que aconteceu.

A falha afetou todo o território paraguaio, que ficou sem energia durante cerca de 15 minutos. No Brasil, o abastecimento de energia elétrica foi interrompido por volta de 22h15 (horário de Brasília).

Itaipu fornece cerca de 20 por cento da energia elétrica do Brasil e mais de 90 por cento da energia do Paraguai.

(Reportagem de Daniela Desantis)

Mais conteúdo sobre:
PARAGUAI APAGAO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.