Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Internacional

Internacional » Piñera é favorito em eleição presidencial no Chile--pesquisa

Internacional

Piñera é favorito em eleição presidencial no Chile--pesquisa

O candidato do governo à presidência do Chile, Eduardo Frei, passaria a um segundo turno contra o empresário da direita opositora Sebastián Piñera, que obteria maioria simples no primeiro turno, revelou uma pesquisa nesta quarta-feira.

0

REUTERS

09 Dezembro 2009 | 17h40

Os chilenos irão às urnas no domingo para eleger um novo presidente e o multimilionário empresário Piñera conseguiria 44,1 por cento dos votos, enquanto Frei ficaria com 31 por cento, segundo a pesquisa da Corporación CERC.

Mais distante ficaria o deputado independente Marco Enríquez-Ominami, com 17,7 por cento, e o esquerdista Jorge Arrate, com 7,2 por cento. A projeção do primeiro turno considera a tendência de 12 por cento de indecisos.

"Em um segundo turno, entre Sebastián Piñera e Eduardo Frei, os resultados de outubro estão mantidos: Piñera recebe 49 por cento e Frei, 32 por cento, que detém desde quase um ano", disse a CERC em comunicado. A intenção de vota no segundo turno não considerou a tendência dos indecisos.

"50 por cento dos eleitores de Enríquez-Ominami apoiariam Frei no segundo turno e 23 por cento votariam em Piñera", acrescentou o estudo.

O Chile foi governado durante quase duas décadas pela coalizão de centro-esquerda Concertación após o término da ditadura do general Augusto Pinochet (1973-1990).

Se Piñera vencer no segundo turno, ele irá se tornar o primeiro presidente de direita no país em meio século, considerando os governos democraticamente eleitos.

(Reportagem de Rodrigo Martínez)

Mais conteúdo sobre:

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.