1. Usuário
Assine o Estadão
assine


Otan faz reunião de emergência sobre crise no Iraque a pedido da Turquia

REUTERS

11 Junho 2014 | 15h 50

Embaixadores da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) fizeram uma reunião de emergência a pedido da Turquia nesta quarta-feira sobre a situação no norte do Iraque, onde militantes islâmicos tomaram faixas de território e levaram 80 cidadãos turcos como reféns.

"A Turquia informou aos outros aliados sobre a situação em Mossul e a tomada de cidadãos turcos como reféns, incluindo o cônsul-geral", disse um oficial da Otan.

Ele disse que a reunião foi realizada para fins informativos e não nos termos do artigo 4 do tratado fundador da Otan, o que permite um membro da aliança de 28 nações pedir consultas com outros aliados quando sentir que a sua segurança está ameaçada.

"Os aliados continuam a acompanhar os acontecimentos muito de perto e com grande preocupação", disse o oficial.

Ele afirmou que os ataques de militantes do Estado Islâmico do Iraque e do Levante em Mossul representavam "uma ameaça séria à segurança do Iraque e à estabilidade da região".

A Otan não recebeu qualquer pedido de ajuda por parte das autoridades iraquianas em relação aos últimos acontecimentos em Mossul, disse o funcionário.

A Turquia já apelou duas vezes ao artigo 4 em 2012 para pedir consultas com seus aliados da Otan sobre o conflito na Síria.

(Reportagem de Adrian Croft)