Reunião em Minsk será passo para resolução do conflito na Ucrânia, diz parlamentar russo

Um encontro entre líderes da Rússia, Ucrânia e União Europeia em Minsk, capital de Belarus, na próxima semana, representa um passo em direção a uma resolução para o conflito na Ucrânia, disse o presidente do Parlamento russo nesta quinta-feira, segundo a agência de notícias estatal RIA.

REUTERS

21 Agosto 2014 | 08h57

"O encontro em Minsk é um dos estágios no caminho em direção à desescalada desse conflito", disse Sergei Naryshkin, de acordo com a RIA.

Os líderes de Belarus e Cazaquistão, que integram uma união alfandegária com a Rússia, também estarão presentes na reunião marcada para 26 de agosto.

(Reportagem de Alexei Anishchuk)

Mais conteúdo sobre:
RUSSIA BELARUS UCRANIA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.