Rússia abre ação sobre terrorismo por acidente de trem

A Procuradoria Geral da Rússia abriu uma ação criminal sobre terrorismo depois que um trem expresso descarrilou matando dezenas de pessoas, informou no sábado a agência de notícias Interfax.

REUTERS

28 Novembro 2009 | 09h30

O presidente da companhia ferroviária nacional russa afirmou que o acidente poderia ter sido causado por um ataque a bomba. A Interfax citou a Procuradoria dizendo que também foi aberto um ação criminal sobre posse ilegal de explosivos.

Mais conteúdo sobre:
RUSSIA PROCURADORIA TREM*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.