1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Separatistas matam membro das forças especiais da Ucrânia

THOMAS GROVE - REUTERS

06 Junho 2014 | 12h 48

Separatistas pró-Rússia que operavam a partir de uma igreja na cidade de Slaviansk, leste da Ucrânia, mataram um membro das forças especiais ucranianas e feriram gravemente dois outros em um ataque com morteiros nesta sexta-feira, de acordo com o Ministério do Interior.

Slaviansk tem sido o centro de uma insurgência que já dura dois meses no leste do país, onde se fala russo. A resistência é feita por rebeldes que se opuseram à deposição do presidente pró-Moscou e da formação, em Kiev, de um governo mais próximo da União Europeia.

“Um membro da polícia especial, Ivano-Frankivsk, morreu e dois outros ficaram gravemente feridos no ataque”, disse o ministério em um comunicado em seu website.

O combate nas regiões orientais de Donetsk e Luhansk foi intensificado desde a eleição de Petro Poroshenko como presidente, em 25 de maio, após a derrubada do presidente pró-Rússia Viktor Yanukovich em fevereiro.

O novo incidente ocorreu na véspera da posse de Poroshenko em Kiev. O empresário pró-Ocidente prometeu revelar um plano de paz em breve para encerrar as rebeliões no leste.