1. Usuário
Assine o Estadão
assine


Afeganistão divulga resultado preliminar de eleição

AE - Agência Estado

07 Julho 2014 | 13h 44

O ex-ministro das Finanças Ashraf Ghani ganhou a maior parte dos votos da controversa eleição presidencial do Afeganistão, de acordo com resultados preliminares divulgados nesta segunda-feira pela Comissão Eleitoral Independente.

Com o seu rival Abdullah Abdullah alegando uma fraude em escala industrial na votação de 14 de junho, no entanto, a crise política sobre a validade dos resultados da eleição permanece sem solução.

O presidente da Comissão Eleitoral, Yusuf Nuristani, disse que Ghani garantiu 56,4% dos votos em uma contagem preliminar, contra 43,6% de Abdullah.

A taxa de participação oficial - 8,1 milhões de votos - foi significativamente maior do que quaisquer especialistas previam. Abdullah, ex-ministro das Relações Exteriores, alegou que até dois milhões dessas cédulas eram fraudulentas. Ele acusou o chefe oficial eleitoral do país, Ziaulhaq Amarkhil, de perpetuar a fraude, e lançou gravações supostamente corroborando suas acusações. Amarkhil negou irregularidades, mas demitiu-se após a divulgação das gravações.

Nuristani disse que os resultados divulgados na segunda-feira estão sujeitos a eventuais alterações uma vez que as denúncias por fraude estão sendo investigadas. "O anúncio de hoje não significa que estamos declarando o vencedor das eleições. As alterações podem vir após a investigação."

Mahmud Saikal, um porta-voz de Abdullah, rejeitou os resultados preliminares. "Tudo que for liberado pela Comissão Eleitoral não tem qualquer reconhecimento para nós", disse ele. Fonte: Dow Jones Newswires.