Ao menos uma pessoa morre e sete ficam feridas após tiroteio em Acapulco

Os disparos foram efetuados por dois homens em uma moto

O Estado de S.Paulo

16 Abril 2017 | 04h41

ACAPULCO - Um tiroteio na zona turística do porto mexicano de Acapulco deixou um morto e sete feridos na noite deste sábado, 15. O caso ocorreu a poucos metros do terminal marítimo de Acapulco, onde dois homens armados em uma moto atiraram contra um residente local.

Estilhaços das balas atingiram um grupo de pessoas que andavam pela Costera, perto de onde ocorria um show de esqui aquático. Duas delas eram turistas na Cidade do México, informou a prefeitura de Acapulco. O incidente deixou um "balanço preliminar de uma pessoa morta e sete feridas", diz um relatório da Proteção Civil Guerrero, estado a que pertence Acapulco. O governo municipal, porém, fala em seis feridos. Os tiros mobilizaram a policiais municipais, que têm um módulo de vigilância a cerca de 40 metros do local do crime.

Recentemente, a companhia de cruzeiros americana Holland America Line anunciou o cancelamento da chegada de oito navios ao terminal marítimo de Acapulco, alegando que não há garantias de segurança para os passageiros. Em janeiro, duas pessoas foram mortas a tiros, em plena luz do dia, em uma praia diante de turistas nacionais e canadenses.

A localidade, antes destino favorito das celebridades, é considerada hoje uma das cidades mais perigosas do mundo. Guerrero, chave na produção e tráfico de maconha e papoula, é um dos estados mais pobres e violentos do México devido à presença de cartéis que disputam território e se financiam através de extorsões e sequestros. /AFP

Mais conteúdo sobre:
Cidade do México

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.