Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Internacional

Internacional » Após cessar-fogo, violência na Síria diminuiu ‘em torno de 85% e 90%’, diz Kerry

Internacional

REUTERS/Gary Cameron

Após cessar-fogo, violência na Síria diminuiu ‘em torno de 85% e 90%’, diz Kerry

Em reunião com chanceler russo, secretário de Estado americano afirmou que redução dos episódios de violência permitiu a retomada da ajuda humanitária em algumas regiões do território sírio

0

O Estado de S. Paulo

24 Março 2016 | 16h18

MOSCOU - O secretário de Estado dos EUA, John Kerry, disse nesta quinta-feira, 23, que o cessar-fogo que está em vigor na Síria conseguiu reduzir "em torno de 85% e 90%" da violência no país, durante reunião com o ministro das Relações Exteriores da Rússia, Serguei Lavrov, em Moscou.

Kerry também afirmou que a redução permitiu, pela primeira vez, a retomada do fluxo de ajuda humanitária em algumas regiões da Síria. "Embora o cessar-fogo seja frágil, é bom que tenha sido capaz de diminuir a violência", disse o secretário de Estado americano.

"Poucas pessoas achavam que era possível conseguir avanços no que se refere ao fim das ações militares na Síria. Não se pode negar que nosso trabalho teve algum sucesso", disse Kerry.

Lavrov concordou com o chefe da diplomacia americana sobre a importância do diálogo entre os dois países na Síria e destacou, em particular, que ambos trabalham na busca de um equilíbrio de interesses de todas as partes envolvidas.

"Essa foi a chave do sucesso", disse o ministro russo, destacando que esse tipo de enfoque deve ser aplicado nas soluções de outros problemas internacionais e nas relações bilaterais.

O início da reunião foi transmitido ao vivo pelas emissoras russas. Nesta tarde, o secretário de Estado dos EUA se encontrará com o presidente da Rússia, Vladimir Putin. /EFE

Mais conteúdo sobre:

Comentários