Arafat não tem leucemia, afirma diplomata palestina

O líder palestino Yasser Arafat, que está em Paris para tratamento, não tem leucemia, disse a diplomata palestina Leila Shahid enviada à França. De acordo com Leila, os médicos excluíram qualquer possibilidade de Arafat ter a doença. A diplomata informou que o líder palestino está "muito melhor, física e psicologicamente, de ontem para hoje". Especialistas em leucemia examinaram Arafat neste sábado para determinar se ele sofria do câncer sangüíneo, havia informado uma fonte palestina.

Agencia Estado,

30 Outubro 2004 | 13h03

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.