Ataques com bombas matam seis e ferem 40 no nordeste da Índia

Pelo menos seis pessoas morreram e 40 ficaram feridas neste domingo em duas explosões de bombas no Estado de Assam, nordeste da Índia, disse a polícia.

REUTERS

22 Novembro 2009 | 11h12

Bombas escondidas em bicicletas explodiram em frente a uma delegacia de polícia e a um complexo de lojas na cidade de Nalbari, cerca de 70 quilômetros a oeste da capital Dispur, afirmou à Reuters por telefone o policial Jitmol Doley.

A polícia disse que a organização separatista Fronte Unida para Libertação de Asom (ULFA) está por trás das explosões, mas um líder rebelde telefonou para jornais e emissoras de televisão locais para negar o envolvimento do grupo.

As explosões ocorreram pouco após Nova Délhi ter anunciado que o governo providenciará segurança a líderes rebeldes desejosos em negociar e encontrar uma solução para décadas de insurgência.

Forças de segurança colocaram todo o Estado em alerta máximo.

(Reportagem de Biswajyoti Das)

Mais conteúdo sobre:
INDIA BOMBA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.