AP Photo
AP Photo

Avalanche nos Alpes franceses mata 4 esquiadores

Grupo, composto por um guia e oito praticantes de esqui, estava a 2.100 metros de altura quando a neve o atingiu

O Estado de S.Paulo

13 Fevereiro 2017 | 14h23

PARIS - Pelo menos quatro pessoas morreram nesta segunda-feira em uma avalanche em uma estação de esqui em Tovière, perto da fronteira com a Itália. Segundo as equipes de resgate, a neve atingiu um grupo de atingiu nove esquiadores no total.

O grupo, composto por um guia e oito praticantes de esqui, estava a 2.100 metros de altura, de acordo com o jornal Le Figaro, quando a neve o atingiu.

A Companhia Republicana de Segurança (CRS) de Courchevel indicou que a avalanche começou em um setor onde a neve fica depositada e não pode ser retirada. Segundo os socorristas, o resgate dos demais integrantes pode demorar.

A estação de esqui precisou em comunicado que a avalanche aconteceu às 9h35 GMT (7h35 em Brasília) e foi provocada pela passagem do grupo, que estava de férias na região e cuja nacionalidade ainda não foi divulgada. O alerta foi dado por um funcionário da estação, que chamou o socorro ao perceber o desmoronamento.

Hoje, o risco de avalanche no local era de três em uma escala que vai até cinco. Vários helicópteros, assim como socorristas e monitores de esqui, ajudam no resgate.

A imprensa francesa lembrou hoje que desde o princípio da temporada de esqui já aconteceram 13 avalanches nos Alpes e nos Pirineus, com três mortos no total. Na temporada passada foram 45 e 21 mortes, respectivamente. / EFE

Mais conteúdo sobre:
PARIS Itália Courchevel Brasília Alpes

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.