Bloomberg deve ser eleito para 3º mandato em Nova York

O prefeito de Nova York, Michael Bloomberg, disputa hoje como favorito o seu terceiro mandato na prefeitura da maior cidade dos Estados Unidos. Quebrando recordes de gastos com publicidade, a campanha do bilionário empresário das comunicações gastou dez vezes mais do que a do seu principal rival, William Thompson, do Partido Democrata. O problema é que, apesar do orçamento bem inferior, o adversário do atual prefeito conseguiu reduzir a diferença entre os dois na última semana, que chegou a ser de 20 pontos porcentuais em outubro.

AE, Agencia Estado

03 Novembro 2009 | 10h06

Uma pesquisa divulgada ontem indica que Bloomberg tem 50% dos votos. Thompson, 38%. A campanha do democrata, porém, espera vencer com o alto comparecimento às urnas em bairros negros e hispânicos. O prefeito, segundo pesquisas, possui uma popularidade menor entre esses grupos étnicos.

O "El Diario", jornal em língua hispânica de Nova York, condenou Bloomberg por disputar um terceiro mandato, comparando-o ao líder venezuelano Hugo Chávez. A mudança no limite de mandatos, aprovada pelos legisladores de Nova York para permitir uma segunda reeleição, tem sido a principal crítica a Bloomberg na campanha. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Mais conteúdo sobre:
EUA eleição Nova York Bloomberg

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.