Bush levanta US$ 34 milhões para a reeleição

O esforço do presidente George W. Bush a fim de levantar fundos para sua campanha pela reeleição, combinado a doações feitas pelo correio e pela internet, produziu US$ 34,2 milhões em apenas seis semanas, muito mais do que conseguiram seus rivais do Partido Democrata. O candidato democrata que anunciou o maior total para o segundo trimestre, até agora, foi Howard Dean, com US$ 7,4 milhões entre abril e junho, incluindo US$ 3 milhões obtidos via internet semana passada. Bush entrou na corrida eleitoral em meados de maio e ele, o vice Dick Cheney e a primeira-dama Laura Bush obtiveram cerca de US$ 22 milhões numa série de eventos pelos Estados Unidos, ao longo de duas semanas. Além disso, Bush recebeu US$ 4,5 milhões pelo correio, numa média de US$ 54 por doação, disse o tesoureiro Mercer Reynolds. A campanha de Bush fez US$ 700.000 pela internet. O total de US$ 34,2 milhões é o teto previsto para o trimestre pela coordenação de campanha, pois ainda há doações a serem computadas.

Agencia Estado,

01 Julho 2003 | 20h35

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.