Campanha francesa contra o anti-semitismo tenta chocar

Uma nova campanha de anúncios que será veiculada na França contra o anti-semitismo busca chocar o público. A partir da próxima terça-feira, anúncios em jornais trarão imagens de Jesus e Maria com os dizeres "Judeu Sujo" sobrepostos e, abaixo, a frase: "Anti-semitismo: e se fosse um problema de todos?". A campanha durará dez dias e foi elaborada pela União de Estudantes Judeus da França, a UEJF. "É um modo de despertar as pessoas e conscientizá-las", diz o presidente da UEJF, Yonathan Afri, ressaltando que não há nenhum desrespeito ao catolicismo implícito nas imagens. "Pelo contrário, estamos, Amis ou menos, homenageando Jesus e Maria como os primeiros a protestar contra o racismo, os primeiros a assumir a defesa dos outros", afirma. O Ministério do Interior francês informa que parece haver um ressurgimento do anti-semitismo, com 166 atos registrados nos primeiros nove meses de 2004, contra 127 em todo o ano de 2003.

Agencia Estado,

22 Outubro 2004 | 16h31

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.