Colômbia: aumenta número de mortos em atentado

O número de vítimas da poderosa explosão de um carro-bomba na cidade colombiana de Medellín, na noite desta quinta-feira, numa zona repleta de bares, restaurantes e discotecas, cresceu ontem (18), chegando a oito mortos e mais de 180 feridos, além de vasta destruição material. Até ontem, sete pessoas já haviam falecido em decorrência da explosão. O carro-bomba explodiu às 22h15 locais da quinta-feira, quando milhares de pessoas estavam no Parque Lleras, na elegante zona de El Poblado, no sul da cidade. A explosão também abriu um buraco de um metro e meio na rua e destruiu vidros e janelas em um raio de 200 metros em torno, causando prejuízos estimados em US$ 500.000 dólares. Este é o segundo atentado terrorista com carro-bomba que ocorre na Colômbia em duas semanas. Em 4 de maio passado, explosão semelhante no Hotel Torre de Cali deixou 29 feridos e foi atribuída a uma vingança entre grupos de narcotraficantes.

Agencia Estado,

18 Maio 2001 | 23h10

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.