Combates deixam 20 mortos na Colômbia

Pelo menos 20 pessoas morreram na Colômbia nesta terça-feira em confrontos armados, informaram nesta quarta fontes militares. Um dos incidentes ocorreu no departamento (estado) de Santander, no nordeste do país, onde se enfrentaram soldados e guerrilheiros das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (FARC). Nos combates, morreram cinco insurgentes. Um segundo combate ocorreu na província de Putumayo, no sul do país, onde morreram outros dois guerrilheiros das FARC. Em um terceiro confronto, também em Santander, entre tropas regulares e rebeldes do Exército de Libertação Nacional (ELN) que tentavam ocupar a localidade, morreram cinco soldados e quatro insurgentes do grupo, informou o general Martín Carreño, comandante da 5ª Brigada do Exército. Além disso, supostos integrantes de grupos paramilitares assassinaram quatro camponeses no departamento de Antioquía, um dos mais afetados pelos conflitos internos da nação andina. Os lavradores, dois homens e duas mulheres, foram assassinados diante de seus familiares, disse um comunicado da Agência de Notícias do Exército.

Agencia Estado,

23 Maio 2001 | 17h32

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.