1. Usuário
Assine o Estadão
assine
  • Comentar
  • A+ A-
  • Imprimir
  • E-mail

Coreia do Norte dispara míssil de curto alcance na costa leste do país

- Atualizado: 29 Março 2016 | 10h 49

Este é o 5º lançamento do tipo desde o começo de março. Mídia estatal norte-coreana caracteriza a ação como uma reação às sanções financeiras e comerciais impostas pelo Conselho de Segurança da ONU

SEUL - A Coreia do Norte disparou um míssil de curto alcance na costa leste do país nesta terça-feira, 29, disseram os militares sul-coreanos, em meio à escalada nas tensões causada pelos programas nuclear e de foguetes.

O míssil foi disparado próximo da cidade costeira de Wonsan às 17h40 do horário local, percorreu cerca de 200 km rumo ao nordeste e "fez contato" com o território continental, afirmaram os militares da Coreia do Sul em um comunicado.

As mais recentes provocações da Coreia do Norte
REUTERS/KCNA
As mais recentes provocações da Coreia do Norte

Coreia do Norte lança míssil após ONU impor novas sanções à Pyongyang; ação foi a mais recente em uma série de provocações do regime de Kim Jong-un a vizinha Coreia do Sul e seus aliados, como os Estados Unidos

O projétil sobrevoou águas do Mar do Japão, segundo o porta-voz, antes de cair em terra, algo incomum já que os mísseis norte-coreanos costumam acabar no mar neste tipo de testes. As Forças Armadas estão investigando o local exato no qual aterrissou o míssil de curto alcance, assim como o motivo pelo qual caiu em terra.

Este é o quinto lançamento do tipo desde o começo de março, segundo informou o Ministério da Defesa de Seul. Como castigo o Conselho de Segurança da ONU impôs ao país fortes sanções financeiras e comerciais, enquanto os EUA, Coreia do Sul e Japão ditaram medidas punitivas adicionais de forma unilateral.

O líder norte-coreano, Kim Jong-Un, presidiu uma série de lançamentos de mísseis de curto alcance nas últimas semanas, o que a mídia estatal da Coreia do Norte caracterizou como uma reação às sanções impostas pela ONU.

O presidente americano, Barack Obama, se encontrará com a presidente sul-coreana, Park Geun-hye, e com o primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, na quinta-feira para discutir o programa nuclear de Pyongyang, informou a Casa Branca na segunda-feira. O encontro nos bastidores da Cúpula de Segurança Nuclear em Washington acontecerá no mesmo dia em que Obama conversará com o presidente chinês, Xi Jinping. /EFE e REUTERS

Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Estadão.
É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Estadão poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Você pode digitar 600 caracteres.

Mais em InternacionalX