Dois reféns são executados no Iraque

Um grupo de extremistas islâmicos executou no Iraque dois macedônios suspeitos de trabalhar como espiões para os EUA, informou nesta segunda-feira a emissora de televisão árabe Al-Jazera. A Al-Jazera divulgou uma gravação do chamado Exército Islâmico do Iraque indicando que os macedônios foram capturados "há alguns dias, fora de uma base americana". A emissora exibiu parte de um vídeo que mostra dois homens com passaportes da Macedônia e documentos de identidade, mas não mostrou os assassinatos.

Agencia Estado,

18 Outubro 2004 | 11h44

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.