Em debate, Cheney tentará eliminar vantagem democrata

As duas campanhas para a presidência dos Estados Unidos, Republicana e Democrata, esperam impulso do debate desta noite entre os candidatos a vice-presidente - Dick Cheney, que disputa a reeleição ao lado de George W. Bush, e John Edwards, companheiro de chapa de John Kerry. Este será o único debate entre os vices. Com as pesquisas de opinião pública mostrando um avanço de Kerry após o primeiro debate presidencial, semana passada, e um segundo confronto entre os cabeças de chapa previsto para esta sexta-feira, os republicanos esperam que Cheney consiga neutralizar o impulso conquistado pela oposição. A missão do vice-presidente será voltar a atenção do público para a guerra ao terror, vista como ponto forte de Bush perante a opinião pública. Já Edwards deverá se concentrar no que as pesquisas mostram ser os principais pontos fracos do presidente, a situação no Iraque e a economia dentro dos Estados Unidos. Nos bastidores, o gerente da campanha de Bush, Ken Mehlman, enviou e-mails aos correligionários do presidente pedindo que liguem para programas de rádio e enviem e-mails a empresas de mídia depois do debate, defendendo o presidente, e votem em pesquisas de opinião online. Ele dá a entender que foi uma estratégia semelhante, adotada pela equipe de Kerry, que causou a impressão da vitória do democrata no debate anterior.

Agencia Estado,

05 Outubro 2004 | 17h38

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.