Gabriella Demczuk/The New York Times
Gabriella Demczuk/The New York Times

Ex-diretor do FBI demitido por Trump vai depor no Senado

James Comey concorda em participar de audiência aberta sobre sua demissão do cargo

O Estado de S.Paulo

19 Maio 2017 | 20h05

WASHINGTON -  O ex-diretor do FBI, James Comey, demitido na semana passada pelo presidente Donald Trump em meio a investigações sobre a campanha do republicano com o governo russo, concordou em participar de uma audiência aberta no Comitê de Inteligência do Senado no fim do mês.

Comey, que tinha se negado a participar de uma reunião fechado, deve responder perguntas sobre sua demissão e os contatos que manteve com Trump nos primeiros meses da presidência. 

Mais cedo, o jornal The New York Times publicou que Trump disse ao chanceler russo, Serguei Lavrov, e ao embaixador de Moscou em Washington, Serguei Kislyak, que a demissão do "louco do FBI" aliviara a pressão sobre ele. / REUTERS

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.