Explosão mata 10 no Afeganistão horas após posse de Karzai

Homem-bomba detonou explosivo próximo a comboio das Forças de Segurança; todas as vítimas eram civis

Agência Estado e Reuters,

19 Novembro 2009 | 12h23

Dez civis morreram e outros 13 ficaram feridos nesta quinta-feira, 19, em um ataque suicida na província de Uruzgan, no sul do Afeganistão, informaram autoridades locais. O ataque ocorreu poucas horas após a cerimônia de que reempossou o presidente Hamid Karzai.

 

Veja também:

especialEspecial: 30 anos de violência e caos no Afeganistão

 

"Dez civis morreram e 13 ficaram feridos", informou Mohammad Gulab Wardak, subcomandante da polícia de Uruzgan, em conversa com a agência AFP.

 

De acordo com ele, o homem-bomba usava um cinturão explosivo e provocou a detonação perto de um comboio das forças afegãs de Segurança. A explosão, entretanto, só atingiu civis. Duas crianças estão entre as vítimas.

 

Pouco antes, um aparente atentado suicida na província vizinha de Zabul ocasionou a morte de dois soldados americanos aproximadamente na mesma hora que em Karzai tomava posse.

Mais conteúdo sobre:
Afeganistão atentado Karzai

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.