Cubadebate / Reuters
Cubadebate / Reuters

Fidel escreve nova carta a Maduro elogiando Exército venezuelano

Líder cubano diz que Caracas tem os soldados e oficiais 'mais bem armados da América Latina' e volta a criticar ações dos EUA

O Estado de S. Paulo

17 Março 2015 | 10h11

HAVANA - O ex-presidente cubano Fidel Castro afirmou que a Venezuela tem os soldados e oficiais "mais bem equipados da América Latina", em uma nova carta ao líder venezuelano, Nicolás Maduro, publicada nesta terça-feira, 17. Fidel destaca a "disciplina exemplar e o espírito da Força Armada Nacional Bolivariana".

"Faça o que fizer o imperialismo dos EUA, não poderá jamais contar com isso para fazer o que fizeram durante tantos anos", escreveu o líder.

Havana se colocou ao lado de Caracas, com "apoio incondicional", após declarações de Washington considerando a Venezuela uma ameaça à segurança nacional americana.

Na carta, Fidel também comenta a Cúpula da Aliança Bolivariana para os Povos da América (Alba), que ocorre nesta terça em Caracas. No encontro, os aliados analisarão a "política do governo dos EUA contra a Venezuela e a Alba", afirmou o ex-líder cubano.

Os países da aliança têm o objetivo de definir sua posição para a Cúpula das Américas, que ocorrerá em abril no Panamá.

"A República Bolivariana da Venezuela declarou de forma precisa que sempre esteve disposta a discutir pacifica e civilizadamente com o governo dos EUA, mas nunca aceitará ameaças e imposições desse país", acrescentou Fidel.

No dia 10, Fidel havia enviado outra carta a Maduro o parabenizando pelo "brilhante e valente" discurso após as declarações dos EUA. /EFE

Mais conteúdo sobre:
Cuba Fidel Castro Venezuela Nicolás Maduro

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.