Fogo em presídio deixa ao menos 13 mortos

Pelo menos 13 detentos da penitenciária de San Pedro Sula, a segunda maior cidade de Honduras, morreram ontem após um incêndio que, segundo as autoridades locais, foi provocado por facções criminosas que se enfrentavam dentro do presídio. "Esse incidente evidencia novamente a situação crítica dos nossos centros penais", disse o ministro de Segurança do país, Pompeyo Bonilla, recordando o incêndio que, há pouco mais de um mês, deixou 361 detentos da penitenciária de Comayagua mortos.

O Estado de S.Paulo

30 Março 2012 | 03h06

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.