Forças do Paquistão atacam base taleban e 40 morrem

Confrontos entre soldados do Paquistão e militantes do Taleban deixaram 40 militantes mortos e oito soldados feridos, ontem, de acordo com comunicado dos militares. Os combates ocorrem nas ruas de Ladha e região, uma importante base do grupo fundamentalista.

AE-AP, Agencia Estado

04 Novembro 2009 | 19h06

Os militares vêem Ladha como um dos três santuários do Taleban na região. As forças do governo já tomaram o controle de outra cidade, Sararogha, e se espera que lancem em breve um ataque à terceira cidade, Makeen, que as autoridades definiram como o "centro nervoso" do Taleban paquistanês.

Em meados de outubro, o governo do Paquistão lançou uma ofensiva no Waziristão do Sul, uma região tribal semiautônoma na fronteira com o Afeganistão. O governo acredita que as bases mais fortes tanto do Taleban quanto da Al-Qaeda no Paquistão estejam no Waziristão do Sul.

O governo central raramente obteve mais que um controle simbólico sobre as áreas tribais, onde o Taleban tem operado crescentemente de maneira aberta nos últimos anos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.