Funcionários dos EUA chegam ao Paquistão

Funcionários americanos começaram a chegar hoje ao Paquistão, informaram funcionários do governo paquistanês. De acordo com o porta-voz do governo Anwar Mehmood, os EUA não enviaram soldados, mas funcionários que vão trabalhar no apoio às missões de ataque. Mehmood disse que os EUA não vão usar território do Paquistão para lançar novos ataques ao Afeganistão. Um funcionário paquistanês, no entanto, confirmou que os americanos poderão usar bases aéreas paquistanesas para executar operações. O apoio paquistanês aos EUA é uma questão política muito delicada para o presidente Pervez Musharraf. Nas últimas semanas, cinco pessoas morreram durante violentos protestos anti-EUA no Paquistão. Os líderes islâmicos convocaram uma guerra santa contra os americanos e condenaram o apoio oferecido por Musharraf aos EUA. Leia o especial

Agencia Estado,

11 Outubro 2001 | 03h23

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.