Homem acorda após quase 20 anos em coma nos EUA

O americano Terry Wallis, que estava em coma desde um acidente automobilístico em 1984, já fala normalmente, depois de recobrar a consciência no mês passado, para surpresa dos médicos e satisfação da família, principalmente da mãe, que ouviu suas primeiras palavras em 19 anos. "Ele começou com ?mãe?, surpreendendo-a. Depois disse ?Pepsi? e ?leite?. Agora, fala sem parar", comemora a diretora do Centro de Reabilitação e Enfermaria do Condado de Stone, Alesha Badgley. Terry Wallis, hoje aos 39 anos, pegava carona com um amigo, em julho de 1984, quando o carro em que viajavam caiu num riacho. Wallis e seu amigo foram encontrados sob uma ponte no dia seguinte ao acidente. O amigo morreu. A filha de Wallis, Amber, nasceu pouco depois do acidente. Hoje a menina tem 19 anos, e ele diz que quer voltar a andar por causa dela. Wallis ficou tetraplégico. Jerry Wallis, o pai de Terry, comenta que o filho agora quase não pára de falar. Entretanto, o tempo parou para ele depois do acidente. Terry acha que Ronald Reagan ainda é o presidente dos Estados Unidos. Ele pediu para conversar com a avó, que morreu há alguns anos, e até recitou seu número de telefone, algo que todos na família já haviam esquecido. O pai arregala os olhos ao comentar a coincidência sobre as datas do acidente e da recuperação do filho. "É bastante peculiar. Ele sofreu o acidente numa sexta-feira 13 e, 19 anos depois, voltou a falar de forma inteligível numa sexta-feira 13", lembra Jerry.

Agencia Estado,

09 Julho 2003 | 17h04

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.