Homem acusado de estupro é retirado da cadeia e linchado na Índia

Uma multidão invadiu uma prisão no nordeste da Índia e retirou do local um homem acusado de estupro, que acabou linchado pelas pessoas, informou a polícia nesta sexta-feira.

Estadão Conteúdo

06 Março 2015 | 09h57

Milhares de pessoas tomaram a Prisão Central de Dimapur, no Estado de Nagaland, na quinta-feira, e retiraram o suspeito do local, a quem também acusaram de ser um imigrante ilegal de Bangladesh. O homem foi apedrejado e espancado até a morte, informou o policial Sunep Aier.

O homem havia sido detido sob suspeita de ter estuprado uma mulher da região, em 24 de fevereiro.

No últimos anos, a Índia tem registrado um aumento da indignação contra violência sexual, algo bastante comum no país. Mas o que aconteceu na quinta-feira pode, provavelmente, também estar ligado às tensões em Nagaland por causa do fluxo de imigrantes de Bangladesh.

Vários grupos acusam os imigrantes de tomarem seus empregos e terra têm realizado protestos nos últimos anos. Dimapur, a maior cidade do Estado de Nagaland, fica a 1.660 quilômetros a leste de Nova Délhi. Fonte: Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
Índia linchamento suspeito estupro

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.