Interrogados mais 13 suspeitos de terrorismo na Espanha

A polícia espanhola deteve mais 13 pessoas para interrogatório em conexão com um grupo terrorista islâmico acusado de planejar um atentado a bomba contra um tribunal, informam autoridades. Oito prisões foram feitas em três diferentes cidades espanholas. Os outros cinco já são detentos do sistema prisional espanhol, disse um porta-voz da polícia. Os treze suspeitos - quatro marroquinos e nove argelinos - estavam sob confinamento solitário antes de serem ouvidos. A polícia também apreendeu um grande número de documentos, vídeos e fitas cassete em árabe durante as batidas nas cidades de Madri, Cádiz e Valência.

Agencia Estado,

28 Outubro 2004 | 16h11

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.