Israel pratica terrorismo de Estado, diz Arafat

O representante palestino, Yasser Arafat, acusou hoje Israel de "praticar o terrorismo de Estado", por causa dos sangrentos bombardeios em ataques aéreos israelenses nos territórios ocupados. "Lutamos contra uma ocupação estrangeira que viola todas as leis internacionais e pratica o terrorismo de Estado", declarou Arafat durante uma reunião ministerial da Liga Árabe no Cairo, Egito. Antes da reunião, Arafat afirmou à imprensa que "aviões militares são utilizados sobre nossas cidades. O povo palestino não cederá. Continuaremos juntos, até que possamos orar na mesquita de Al Aqsa" em Jerusalém.

Agencia Estado,

19 Maio 2001 | 10h48

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.