AP Photo/Santi Palacios
AP Photo/Santi Palacios

Itamaraty pede diálogo e respeito à Constituição da Espanha em meio à tensão na Catalunha

Ministério das Relações Exteriores brasileiro disse em comunicado que acompanha ‘com atenção os últimos acontecimentos’ e ressalta que a transição democrática no país foi um exemplo para a América Latina

O Estado de S.Paulo

12 Outubro 2017 | 16h47

O governo brasileiro se posicionou nesta quinta-feira, 12, a favor do diálogo e do respeito à Constituição da Espanha em meio à tensão provocada pela intenção da região da Catalunha de se tornar independente.

+ Entrevista: ‘A Espanha é um Estado falido e centralizador’

O pedido foi feito pelo Ministério das Relações Exteriores em comunicado no qual diz que acompanha "com atenção os últimos acontecimentos na Espanha" e ressalta que a transição democrática no país foi um exemplo para a América Latina.

+ Premiê aceita reformar Constituição espanhola, mas dá ultimato à Catalunha

"Ao reiterar os laços de amizade e solidariedade que unem brasileiros e espanhóis, o governo (brasileiro) conclama ao diálogo, no marco da legislação desse país, ressaltando a importância do pleno respeito à Constituição espanhola e ao estado democrático de direito", informa a nota do Itamaraty.

A mensagem foi publicada nesta quinta-feira, quando a Espanha celebra o Dia da Festa Nacional, embora neste ano a comemoração tenha coincidido com a tensão entre a Catalunha e o governo central, em Madri, que é contra a separação da região. / EFE

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.