Natacha Pisarenko/AP
Natacha Pisarenko/AP

Justiça da Argentina prende vice de Cristina por lavagem de dinheiro

Amado Boudou também é acusado de formação de quadrilha e foi detido pela manhã em sua casa em Puerto Madero, bairro nobre de Buenos Aires

O Estado de S.Paulo

03 Novembro 2017 | 09h19

BUENOS AIRES - O ex-vice-presidente da Argentina Amado Boudou (2011-2015) foi detido nesta sexta-feira em Buenos Aires acusado de formação de quadrilha e lavagem de dinheiro.

+Justiça argentina avança contra empresário kirchnerista e ex-vice

Segundo informaram fontes judiciais à agência oficial Telam, o vice-presidente no governo de Cristina Kirchner foi detido junto ao seu sócio José María Nuñez Carmona.

A detenção de Boudou aconteceu em seu domicílio no bairro de Puerto Madero, em Buenos Aires, e foi realizada por agentes da Prefeitura Naval Argentina por ordem do juiz Ariel Lijo./ EFE

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.