Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Internacional

Internacional » Líder da Coreia do Norte diz que país pode instalar ogivas nucleares em mísseis

Internacional

REUTERS/KCNA ATTENTION EDITORS

Líder da Coreia do Norte diz que país pode instalar ogivas nucleares em mísseis

Kim Jong-un disse que as armas são ‘uma autêntica ferramenta de dissuasão nuclear’ contra inimigos, e pediu aos militares que estejam preparados para realizar ataques contra EUA e Seul

0

O Estado de S. Paulo

09 Março 2016 | 10h22

SEUL - O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, disse que seu país miniaturizou ogivas nucleares para instalá-las em mísseis balísticos e que ordenou melhorias no poder e na precisão de seu arsenal, relatou nesta quarta-feira, 9, a mídia estatal. O ditador qualificou as armas como "uma autêntica ferramenta de dissuasão nuclear" contra os inimigos do país.

Kim pediu a seus militares que estejam preparados para realizar ataques preventivos contra os EUA e a Coreia do Sul, e fiquem de prontidão para usar armas nucleares, exacerbando a retórica beligerante depois de Pyongyang receber novas sanções bilaterais e da Organização das Nações Unidas (ONU) por seus recentes testes nucleares e de foguetes.

Soldados americanos e sul-coreanos iniciaram nesta semana exercícios militares de larga escala que a Coreia do Norte classificou como "manobras de guerra nuclear", ameaçando reagir com uma ampla ofensiva.

Os comentários de Kim, divulgados nesta quarta-feira, foram sua primeira menção direta da afirmação, reiterada na mídia estatal, de que o isolado país comunista teve sucesso na miniaturização de uma ogiva nuclear, o que vem sendo questionado por muitos e jamais foi verificado de forma independente.

“As ogivas nucleares foram padronizadas para caber em mísseis balísticos por meio de sua miniaturização", teria dito Kim, segundo a agência estatal de notícias KCNA, quando inspecionava o trabalho de seus cientistas nucleares.

"Ele enfatizou a importância de se construir armas nucleares cada vez mais potentes, precisas e miniaturizadas e os meios de usá-las", disse a KCNA.

Kim também inspecionou a ogiva nuclear concebida para uma reação termonuclear, afirmou a agência de notícias, referindo-se a uma bomba de hidrogênio miniaturizada que o país diz ter testado no dia 6 de janeiro.

O Rodong Sinmun, jornal oficial do partido governista, publicou fotos de Kim no que parecia ser um grande hangar conversando com assessores diante de um objeto esférico prateado. O diário ainda mostrou imagens de um grande objeto semelhante ao míssil balístico intercontinental KN-08 (ICBM, na sigla em inglês), já exibido em desfiles militares, e de Kim segurando um cigarro meio fumado. /REUTERS

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.