1. Usuário
Assine o Estadão
assine
  • Comentar
  • A+ A-
  • Imprimir
  • E-mail

Loteria dos EUA sorteia hoje US$ 1,5 bilhão

- Atualizado: 13 Janeiro 2016 | 21h 24

Segundo a revista 'Forbes', o ganhador poderia comprar, por exemplo, o Milan, time da primeira divisão do futebol da Itália, avaliado em US$ 775 milhões

WASHINGTON - Os americanos esperam nesta quarta-feira, com grande expectativa, o sorteio da Powerball, a principal loteria dos Estados Unidos, que acumulou um prêmio recorde de US$ 1,5 bilhão (cerca de R$ 6 bilhões), disparando as vendas dos bilhetes em busca do sonho de ficar bilionário.

Filas e mais filas de pessoas foram registradas nos estabelecimentos do país para comprar um bilhete e concorrer ao prêmio antes do sorteio, marcado para ocorrer às 22h59 locais de hoje (1h59 de sexta-feira em Brasília).

Apostadores fazem fila para jogar na Powerball, em Pittsburgh

Apostadores fazem fila para jogar na Powerball, em Pittsburgh

Desde o último dia 4 de novembro, ninguém conseguiu acertar a série de seis números sorteados. Foram 19 sorteios consecutivos sem vencedor, já que as chances de levar a bolada também são escassas - 1 entre 292 milhões.

"É emocionante. Espero que tenhamos um vencedor hoje", afirmou James Kim, gerente de uma loja que vende bilhetes para a Powerball na cidade de Hawthorne, na Califórnia, em entrevista ao jornal Los Angeles Times.

Uma longa fila com mais de 60 pessoas já esperava na porta do estabelecimento de Kim antes da abertura, todos impacientes para comprar um bilhete (cada série de seis números custa US$ 2), que pode transformá-los em bilionários.

Apostadores fazem fila para jogar na Powerball em San Lorenzo, Califórnia 

Apostadores fazem fila para jogar na Powerball em San Lorenzo, Califórnia 

A expectativa cruzou fronteiras e chegou até a China, onde várias pessoas compraram bilhetes da Powerball com a ajuda de intermediários pela internet, segundo informou a emissora americana NBC News. Um chinês que estuda nos EUA afirmou que vendeu mais de 600 bilhetes para seus compatriotas.

"Comecei a vendê-los há poucos dias. O enorme prêmio fez com que mais chineses se interessassem pelo Powerball", afirmou o estudante, que preferiu manter o anonimato.

Desde o dia 4 de novembro, os jogadores de Powerball gastaram US$ 2,6 bilhões em busca do sonho de ficar bilionário. Se alguém vencer na noite de hoje, pode receber o prêmio de uma única vez, em parcela de US$ 930 milhões (depois de descontados os impostos) ou dividi-lo em "prestações" mensais ao longo de 30 anos.

Com essa fortuna, o ganhador poderia comprar, por exemplo, o Milan, time da primeira divisão do futebol da Itália, avaliado em US$ 775 milhões, de acordo com a revista Forbes. Ou ser mais rico que celebridades como a cantora americana Kate Perry, que ganhou US$ 135 milhões em 2015, também de acordo coma Forbes.

A Powerball é jogada em 44 Estados dos EUA, no Distrito de Columbia, onde está a capital, Washington, além de Porto Rico e das Ilhas Virgens. Em março de 2012, a loteria Mega Millions repartiu US$ 656 milhões, o maior prêmio da história do país.

As duas loterias diminuíram nos últimos anos as chances de ganhar para propiciar prêmios maiores e atrair mais jogadores. / EFE

Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Estadão.
É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Estadão poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Você pode digitar 600 caracteres.

Mais em InternacionalX