Milhões de dólares e euros falsos apreendidos na Colômbia

Autoridades França e da Colômbia apreenderam uma impressora que produziu milhões de euros e dólares, no que policiais descrevem como um sério golpe contra a falsificação da moeda européia. A polícia colombiana e dois agentes franceses descobriram a impressora em Bogotá, juntamente com dois milhões de euros e US$ 2 milhões, em notas falsas de 100. Uma pessoa foi presa. Foram apreendidas placas usadas na produção das notas, tinta, cópias e selos oficiais, a impressora e um grande volume de notas, de acordo com a polícia secreta colombiana, o DAS. O Serviço Secreto americano também cooperou na operação. Esta foi a Segunda batida na Colômbia contra a falsificação de euros. Em julho, o DAS e a Interpol estouraram o que foi descrito como a primeira grande quadrilha de falsificação de euros da américa Latina.

Agencia Estado,

19 Outubro 2004 | 15h28

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.