REUTERS/Mohammed Salem
REUTERS/Mohammed Salem

Militares de Israel encontram túnel feito por soldados do Hamas na Faixa de Gaza

Tenente-coronel disse que construção tinha cerca de 30 ou 40 metros de profundidade e foi feito ‘para se infiltrar’ no território israelense e ‘cometer ataques terroristas contra gente nas comunidades do sul’

O Estado de S. Paulo

18 Abril 2016 | 14h24

JERUSALÉM - Os militares de Israel informaram nesta segunda-feira, 18, que descobriram um novo túnel de infiltração construído por militantes do Hamas que começa na Faixa de Gaza e passa por centenas de metros do território israelense.

"Neutralizamos o túnel no território israelense, tornando-o inútil para a infiltração de terroristas do Hamas", disse o tenente-coronel Peter Lerner, porta-voz dos militares, em uma teleconferência com jornalistas estrangeiros.

Lerner afirmou que o túnel tinha cerca de 30 ou 40 metros de profundidade, é de "tipo ofensivo" e foi construído pelo movimento islamista Hamas, que governa em Gaza, "para se infiltrar em Israel e cometer ataques terroristas contra gente nas comunidades do sul".

O porta-voz também sustentou que se tenta uma construção nova, posterior ao conflito de 2014, ao contrário de informações divulgadas por um membro do Hamas na página do Al Majd que o túnel "é velho e que foi utilizado durante a operação de 2014".

O porta-voz israelense não quis comentar sobre o tipo de material usado para sua construção ao ser perguntado se tinham identificado materiais introduzidos na Faixa de Gaza para sua reconstrução.

O Hamas, grupo palestino que controla a Faixa de Gaza, não comentou de imediato sobre a descoberta, que pode aumentar as tensões ao longo de uma fronteira que vem se mantendo pacífica desde o final da guerra de 2014.

Durante 7 semanas de combates, o Hamas usou túneis que levavam a Israel para se infiltrar em quatro ocasiões, matando 12 soldados.

Israel afirma ter destruído 32 túneis durante a guerra de Gaza e estar desenvolvendo tecnologias com o objetivo de se contrapor aos esforços do Hamas para reconstruir sua rede subterrânea.

Lerner destacou ainda que as forças de segurança israelenses trabalham com a hipótese de que existem mais construções deste tipo, como ressaltou este ano o chefe do Hamas em Gaza, Ismail Haniyeh, quando afirmou que os milicianos escavam novos túneis em preparação para um próximo conflito com Israel. /Reuters e EFE

Mais conteúdo sobre:
Israel Faixa de Gaza Hamas túnel

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.