Ministro de Israel quer bombardear rádio e tevê

Um ministro israelense sugeriu ao chefe do Estado Maior das Forças Armadas, o general Shaul Mofaz, que ordene imediatamente o bombardeio dos estúdios da rádio e da televisão da Autoridade Nacional Palestina (ANP). Durante a reunião de hoje do Conselho de Ministros, o ministro de Turismo, Rehavam Zeevi (um general da reserva), acusou os veículos de comunicação palestinos de "incitar sistematicamente o ódio aos judeus", informou uma rádio israelense. Zeevi sugeriu ao general Mofaz que ataque os estudios de rádio e televisão pertencentes à ANP. Ainda segundo Zeevi, é necessário limitar ao mínimo as atividades dos pescadores palestinos em Gaza para reduzir o contrabando de armas. Por outra parte, Mohammed Abbas, um dos principais colaboradores do líder palestino Yasser Arafat, se reunirá amanhã e terça-feira com o secretário de Estado dos EUA, Colin Powell, em Washington. O objetivo da reunião é "reiniciar o processo de paz no Oriente Médio", explicou um porta-voz palestino na capital norte-americana.

Agencia Estado,

13 Maio 2001 | 10h46

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.