Moradora de NY pode ter contraído antraz

Testes preliminares indicam que uma mulher de 61 anos contraiu antraz por inalação, a pior manifestação da doença. De acordo com o prefeito de Nova York, Rudolph Giuliani, a mulher, que trabalha no almoxarifado de um hospital de Manhattan, está internada desde domingo e está em condições "muito, muito sérias". A polícia não soube determinar como a mulher poderia ter contraído a doença. Se confirmado, este será o primeiro caso de antraz pulmonar a ser registrado na cidade de Nova York.

Agencia Estado,

30 Outubro 2001 | 04h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.