1. Usuário
Assine o Estadão
assine


Na Casa Branca, Obama reitera apoio a premiê ucraniano

12 Março 2014 | 17h 22

Yatseniuk diz que país está pronto para conversar com Moscou, mas 'é e sempre será parte do mundo ocidental'

Foto: Larry Downing/Reuters

WASHINGTON - O presidente Barack Obama assegurou, nesta quarta-feira, 12, ao primeiro-ministro da Ucrânia, Arseni Yatseniuk, que os Estados Unidos apoiarão o país na "manutenção de sua integridade territorial e de sua soberania". Obama recebeu o premiê na Casa Branca, nesta tarde, para tratar sobre a crise que assola a Ucrânia desde novembro. Descontente com as mudanças políticas em Kiev, a República Autônoma da Crimeia promoverá um referendo no próximo domingo para avalizar a decisão de se anexar à Rússia. 

Em resposta ao apoio do presidente, Yatseniuk respondeu que a Ucrânia "nunca se renderá" às ações ilegais da Rússia. Moscou reforçou, recentemente, sua presença na base militar que mantém na Crimeia e disse que agirá para defender os cidadãos russos que vivem na região. Obama e Yatsenyuk posaram para fotos no Salão Oval da Casa Branca. O primeiro-ministro disse que Kiev está "absolutamente" pronta para conversar com Moscou, mas assegurou que seu país "é e sempre será parte do mundo ocidental".