Na multidão de militantes, Evita

Bebê de 2 meses leva nome de líder peronista

O Estado de S.Paulo

02 Março 2015 | 02h01

Uma das mais jovens kirchneristas molhadas fora do Congresso pela garoa durante o discurso de Cristina Kirchner, retransmitido por alto-falantes, era Eva Rosario Farias, de 2 meses. "A família é toda peronista, foi uma homenagem a Evita", explicou a mãe, Virginia Rosario. Segundo o pai de Evita, Ezequiel Rosario, atendente numa farmácia, Cristina "melhorou a vida dos aposentados e priorizou direitos humanos". "Faltou ser mais dura com a inflação."

A praça que ocupa dois quarteirões em frente ao Congresso foi tomada, numa tentativa de responder à marcha do dia 18, quando 400 mil homenagearam Alberto Nisman. A maioria chegou em ônibus alugados a 1.500 pesos (R$ 490) por grupos como La Cámpora, a juventude kirchnerista. Miguel Ángel Martínez transportou militantes de Caseros, a 15 km da capital. Ele acompanhava o discurso pelo rádio. "Não gosto dela, ouço para saber quando vai acabar", disse. / R.C.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.