Nguema é reeleito na Guiné Equatorial

O presidente da Guiné Equatorial, Teodoro Obiang Nguema, foi reeleito, afirmaram funcionários eleitorais do país, um dos maiores produtores de petróleo da África. Nguema obteve 96,7% dos votos, segundo autoridades. Líderes opositores afirmaram que a votação, ontem, foi fraudada, e eles não aceitarão os resultados. Nguema já está há 30 anos no poder.

AE-AP, Agencia Estado

30 Novembro 2009 | 13h23

A Convergência para a Social-Democracia afirmou que um de seus membros foi ameaçado com uma pistola e forçado a interromper uma contagem de votos. Opositores disseram que funcionários distritais e provinciais votaram por populações inteiras, em vilas e na área rural. A comissão eleitoral, chefiada pelo ministro de Interior de Nguema, afirmou que os resultados preliminares deram ao presidente 96,7 % dos votos. Os resultados finais devem sair apenas em 7 de dezembro.

Mais conteúdo sobre:
Guiné Equatorial Nguema reeleição

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.