Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Internacional

Internacional » Obama janta em 'paladar' na véspera de encontro com empreendedores

Internacional

Reprodução/secretearth.com

Obama janta em 'paladar' na véspera de encontro com empreendedores

Presidente americano comeu no restaurante privado San Cristóbal, um dos negócios que se multiplicam em Havana; nesta segunda ele se reúne com 'cuentapropistas' e com o líder cubano Raúl Castro

0

Cláudia Trevisan, Enviada especial / Havana,
O Estado de S. Paulo

21 Março 2016 | 11h01

HAVANA - Em sua primeira noite em Havana, o presidente Barack Obama jantou no paladar San Cristóbal, um dos negócios particulares que se multiplicam em Havana. Nesta segunda-feira, 21, ele voltará a interagir com o setor privado de Cuba, em um fórum no qual falará a cerca de cem empreendedores locais.

O San Cristóbal foi criado há cerca de cinco anos por Carlos Cristóbal Marquez, que vive com sua família no andar acima do restaurante. Ainda existem vários limites para a expansão de empreendimentos privados em Cuba, que são restritos a apenas 204 atividades, entre as quais não estão a de profissionais liberais, como advogados e arquitetos, nem setores relacionados à tecnologia da informação.

Além disso, as regras em vigor limitam o crescimento das pequenas empresas. Os restaurantes, por exemplo, não podem ter mais do que 50 lugares. Para contornar a restrição, alguns empreendedores obtêm mais de uma licença em nome de diferentes familiares.

O governo americano vê o nascente setor privado como um dos motores de mudanças em Cuba e defende que as restrições sejam reduzidas. Chamados oficialmente de cuentapropistas (trabalhadores por conta própria), muitos dos que se aventuraram em empreendimentos particulares são na verdade pequenos empresários, como o dono do San Cristóbal. Mas a grande maioria ainda se dedica ao trabalho manual autônomo, prestando serviços de encanamento, eletricidade ou pequenos consertos.

Obama começará o dia com uma cerimônia de oferenda de flores no Memorial José Martí (1853-1895), um herói da independência de Cuba. Em seguida, ele se encontrará com o presidente Raúl Castro no Palácio da Revolução. À noite, o líder americano e a primeira-dama Michelle Obama serão recebidos no mesmo lugar em um jantar oferecido pelo dirigente cubano.

Encontrou algum erro? Entre em contato

0 Comentários

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.