Obama parte rumo a Cingapura para participar da Apec

Além de participar da cúpula do Apec, está previsto que Obama mantenha uma série de encontros bilaterais

Efe,

14 Novembro 2009 | 06h51

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, partiu neste sábado, 14, do Japão rumo a Cingapura para participar da cúpula do Fórum de Cooperação Econômica Ásia-Pacífico (Apec), a segunda etapa de sua viagem asiática.

 

Obama partiu desde o aeroporto de Haneda, no sul de Tóquio, às 14h40 hora local (02h40 de Brasília) após haver mantido um encontro com o imperador japonês, Akihito, e sua esposa, Michiko, no Palácio Imperial.

 

Antes, o presidente americano ofereceu um discurso no auditório Suntory Hall de Tóquio no qual defendeu uma "cooperação pragmática" com a China e disse que o crescimento desse país não representa uma ameaça, mas uma oportunidade para os EUA.

 

Obama iniciou sua viagem asiática na, sexta-feira, 13, em Tóquio, onde pouco após chegar se reuniu com o primeiro-ministro do Japão, Yukio Hatoyama, com o qual se comprometeu trabalhar para uma relação "renovada" entre ambos países.

 

Em Cingapura, além de participar da cúpula do Apec, está previsto que Obama mantenha uma série de encontros bilaterais e se reúna com os dez líderes da Associação de Países do Sudeste Asiático (Asean).

Será a primeira integração de um presidente dos Estados Unidos em uma cúpula com os países da Asean, onde estará presente o primeiro-ministro de Mianmar, Thein Sein.

 

Washington rejeitava até agora participar de atos onde estivessem presentes representantes da ditadura militar desse país, mas a nova política dos EUA optou por uma diplomacia de "distensão" para conseguir reformas democráticas no país asiático.

Mais conteúdo sobre:
Cingapura Apec Barack Obama

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.