ONU: 50 mantenedores de paz foram punidos por abuso

A Organização das Nações Unidas (ONU) informou que pelo menos 50 mantenedores de paz foram punidos por autoridades nacionais nos últimos três anos em razão de abusos sexuais durante missões. A entidade afirmou hoje que as punições variaram de rebaixamento de patente até oito meses de prisão.

AE-AP, Agencia Estado

05 Novembro 2009 | 13h38

Os dados divulgados vêm a público após vários pedidos de meios de comunicação sobre as punições aplicadas pelos governos aos mantenedores de paz acusados de estupro e outros abusos em áreas de conflito, como o Congo. O órgão global não tornou público quaisquer identidades ou nacionalidades.

Os dados mostram um aumento significativo de processos para apurar esses crimes em 2009. As informações, porém, também mostram que muitos pedidos de ação da ONU aos governos por punições a soldados foram ignorados.

Mais conteúdo sobre:
ONU mantenedores de paz abuso sexual

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.