Opep fecha acordo preliminar para estender cortes na produção de petróleo

Organização busca reduzir sua produção em 1,2 milhão de barris por dia neste primeiro semestre

O Estado de S.Paulo

20 Abril 2017 | 04h56

LONDRES - A Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) fechou um acordo preliminar para estender cortes na produção do grupo, informou hoje o ministro de Energia da Arábia Saudita, Khalid al-Falid.

Pelo pacto atual, anunciado em novembro, a Opep vem buscando reduzir sua produção em cerca de 1,2 milhão de barris por dia ao longo do primeiro semestre do ano.

Segundo Falid, a extensão é necessária, mas talvez não dure outros seis meses, e o acordo preliminar não foi ratificado por todos os integrantes da Opep.

O apoio da Arábia Saudita é fundamental para que a Opep prorrogue os cortes na produção em reunião que fará em Viena no dia 25 de maio.

Falid também comentou que os esforços de conter a oferta de petróleo têm como principal objetivo reduzir os estoques da commodity para a média de cinco anos, meta que ainda não foi alcançada.

A Arábia Saudita já sinalizou a autoridades da Opep que deseja aprovar a extensão do acordo por mais seis meses quando o grupo se reunir no próximo mês, segundo fontes com conhecimento do assunto. / DOW JONES NEWSWIRES

Mais conteúdo sobre:
Opep

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.